Proposta de Reforma do Plano Curricular do MIMD

A Associação Nacional de Estudantes de Medicina Dentária (ANEMD) torna hoje público o documento que projeta uma proposta de Reforma do Plano Curricular das Escolas Médico-Dentárias portuguesas, desenvolvido no atual e passado mandato da Federação.

Este documento constitui uma carta aberta por parte dos estudantes para toda a comunidade médico-dentária nacional, com os objetivos principais de alertar acerca da realidade vivida pelos mesmos nas instituições de ensino, iniciar a reflexão das várias problemáticas apresentadas e incentivar tomadas de decisão que promovam um ensino médico-dentário multifacetado, profícuo e atualizado, capaz de formar médicos dentistas generalistas capacitados para entrar no mercado de trabalho.

Pelos motivos apresentados e pelo facto de ser nas Escolas Médico-Dentárias que se inicia o percurso do exercício da nossa futura profissão, este documento não deve ser posto de parte por ninguém, devendo ser lido e analisado pelas diferentes entidades que constituem a medicina dentária, a saúde e o ensino superior portugueses.

A realização desta projeção não seria possível sem a colaboração de todos os membros da ANEMD e seus dirigentes, incluindo os membros do Grupo de Trabalho da Reforma do Plano Curricular, os órgãos sociais do atual e passado mandato e respetivos delegados de todas as Associações e Núcleos membros que contribuíram significativamente para a extensa e profunda discussão desta temática.

A todos, que direta ou indiretamente, auxiliaram no processo de criação deste documento, deixamos o nosso agradecimento. 

A mudança começa por nós, estudantes, e os estudantes estão unidos. Este documento não se limita a projetar uma mudança, queremos ser o início de um ponto de viragem no ensino médico-dentário, dar voz a todos os estudantes e apelar às demais entidades e órgãos responsáveis da urgência da resolução deste problema. 

A ANEMD encontrar-se-á sempre disponível a dar o seu contributo acerca desta temática, uma vez que este assunto não se restringe somente a este documento. Este pretende iniciar a discussão que os estudantes pretendem ver resolvida.